Comissão Europeia

A União Europeia conta com instrumentos potentes para financiar as atividades de I&D de âmbito europeu. Estes instrumentos têm importantes vantagens: uma forte intensidade de apoio, estabilidade ao longo do tempo, simplicidade para maximizar o proveito, e qualidade na gestão dos projetos e programas.

Na Euro-Funding ajudamos os nossos clientes a obter financiamento para os seus projetos em diferentes âmbitos.

No H2020 apoiamos projetos habitualmente em consórcio e que contam com uma taxa de financiamento não reembolsável entre 70% e 100%. Trabalhamos com diversos sectores, nomeadamente Saúde, Biotecnologia, TIC, Energia, Ambiente….

As possibilidades de financiamento no H2020 são várias, e algumas são bastante flexíveis, como por exemplo o Fast Track to Innovation e o SME Instruments, que se adaptam a vários tipos de iniciativas.

Por outro lado, o Programa LIFE financia projectos que promovam soluções inovadoras e que tenham um impacto ambiental claro, e que tenham potencial de repetibilidade.

Para os vários programas contamos com uma equipa ampla, distribuída pela União Europeia, a maioria Engenheiros e Doutorados em diferentes especialidades, com provas dadas no desenvolvimento e gestão de projectos, com uma vasta rede de contactos, e com uma taxa de êxito entre os 50% e os 80%.

H2020

Classificação dos projectos segundo duas categorias:

A – DE ACORDO COM O SECTOR DO PROJETO

B – DE ACORDO COM A ORIENTAÇÃO DOS PROJECTOS AO MERCADO

LIFE

Classificação dos projectos segundo duas categorias:

A – DE ACORDO COM O SECTOR DO PROJETO

B –SEGUNDO A APLICABILIDADE DA SOLUÇÃO

SME INSTRUMENT (INSTRUMENTO PME)

O SME Instrument é um subprograma do Horizonte 2020 dedicado a PME e orientado a todo o tipo de PMEs inovadoras que demonstrem uma forte ambição por desenvolver a sua actividade, crescer e internacionalizar-se. Este programa apoia todos os tipos de inovação, incluindo inovações não tecnológicas e no âmbito dos serviços.

O SME Instrument é composto por três fases distintas e que cobrem por completo o ciclo de inovação:

  • Fase 1 – Viabilidade tecnológica, técnica e económica – Atribui financiamento para estudar a viabilidade científica e/ou técnica e o potencial comercial de uma nova ideia (prova de conceito) com o objectivo de desenvolver um projecto inovador. Um resultado positivo nesta fase permitirá ainda concorrer às fases seguintes.
  • Fase 2 – Projeto de inovação – Será financiada a investigação e o desenvolvimento centrados nas actividades de demonstração (testes, protótipos, estudos de ampliação, pilotos de processos, produtos e serviços inovadores, etc.) e replicação comercial.
  • Fase 3 – Comercialização – esta fase não pressupõe financiamento direto além das atividades de apoio, mas sim facilitar o acesso a capital privado e a ambientes facilitadores em matéria de inovação, bem como o acesso a capital de risco.

Na Euro-Funding pretendemos apoiar os projectos das PMEs tradicionais ou inovadoras que tenham a ambição de crescer, desenvolver a sua actividade e internacionalizar-se através de um projecto de inovação a nível europeu. Contamos com uma equipa de peritos que ajudam, impulsionam e dão suporte às PMEs, cobrindo todo o ciclo de preparação de uma candidatura, desde a avaliação e apresentação da ideia e projecto, até formação do cliente, preparando-o para as novas regras do programa estabelecidas para o período 2018-2020.

FAST TRACK PARA A INOVAÇÃO

O Fast Track to Innovation – FTI (Processo acelerado para a Inovação) é um subprograma do Horizonte 2020 dedicado a financiar projectos orientados para a colocação no mercado de soluções inovadoras, abertas a todo o tipo de participantes, e sobre qualquer temática. Esta “abertura temática”, combinada com a possibilidade de que todo o tipo de agentes associados ao processo de inovação trabalhem em conjunto e apresentem novas inovações para o mercado e/ou sociedade, promove a cooperação interdisciplinar e intersectorial.

Os objectivos deste programa são:

  • Reduzir o tempo de alcance da ideia ao mercado: Início do projecto 6 a 9 meses depois da candidatura
  • Estimular a participação de empresas que nunca concorreram a mecanismos de financiamento europeus: Não há diferentes fases e não se financia a realização do estudo de viabilidade, porque este tem que estar definido antes de se apresentar a proposta, mas são financiáveis actividades para terminar e ajustar o plano de negócio
  • Aumentar o investimento do sector privado em investigação e inovação

Na Euro-Funding pretendemos apoiar os projectos de empresas inovadoras que tenham a ambição de crescer, desenvolver a sua actividade e internacionalizar-se através de um projecto de inovação a nível europeu e que permita lançar rapidamente o seu produto ou serviço para o mercado.  Contamos com uma equipa de peritos que ajudam, impulsionam e dão suporte a todo o tipo de empresas, cobrindo todo o ciclo de preparação de uma candidatura, desde a avaliação e apresentação da ideia e projecto, até à gestão do mesmo uma vez conseguido o financiamento